Rodolfo Valentino, o primeiro galã do cinema hollywoodiano que, ao falecer, desencadeou uma onda de suicídio de mulheres

Rodolfo Pietro Filiberto Raffaello Guglielmi di Valentino nasceu na Itália, em 1895. Quando pequeno, viveu uma vida humilde, ao lado de três irmãos e da mãe. No início de sua juventude, mudou-se para Paris onde aprendeu a atuar. Em 1912, sem conseguir emprego no cinema europeu, Rodolfo resolve se mudar para Nova York, nos Estados Unidos, local onde encontrou a primeira oportunidade para trabalhar em filmes.

Em poucos anos, o nome “Rodolfo Valentino” caiu nas graças do público estadunidense, sobretudo as mulheres. Valentino foi o primeiro astro a atingir o patamar de galã. A indústria cinematográfica, ainda dando seus primeiros passos, resolveu investir na imagem do ator. Um de seus filmes mais famosos, cujo título é “Sangue e Areia”, imortalizou o ator como o “Sheik”, e também lhe rendeu a fama de “Amante Latino”, estereótipo que jamais abandonaria os roteiros hollywoodianos.

As histórias envolvendo a fama de Valentino são bastante interessantes: os homens do sul dos Estados Unidos proibiam as mulheres de irem ao cinema ver filmes do ator. As que iam sozinhas eram tachadas de prostitutas.

Após a sua morte, em 15 de agosto de 1926, depois de sofrer um colapso, seu funeral foi acompanhado por mais de 100 mil pessoas. As fãs quebraram portas e janelas de várias casas. Uma onda de suicídios de mulheres ocorreu nas cidades de Nova York e Los Angeles.

O impacto da morte de Valentino fez com que jornais, que acusavam o ator de ser bissexual, o que na época era inadmissível para a sociedade norte-americana, se rendessem e fizessem homenagens ao grande astro hollywoodiano.

Rodolfo entrou para a história do cinema como o primeiro galã do cinema norte-americano e até hoje seus filmes são bastante procurados e assistidos por espectadores de todo o mundo.

Referências:

FRAYLING, Christohper. “Tudo Sobre Cinema”. São Paulo: Editora Sextante, 2011.

RAMBOVA, Natacha. “Rudolph Valentino”. PVG Publishing, 2009.

Please follow and like us: