Estupidez Nazista: Como foi a famosa queima de livros de 1933

O dia 10 de maio de 1933 marcou o auge da perseguição dos nazistas aos intelectuais, principalmente aos filósofos.
Em toda a Alemanha, principalmente nas cidades que possuíam as maiores universidades, montanhas de livros ardiam chamas em praça pública.

Hitler e seus seguidores pretendiam uma “limpeza” na literatura e da academia Alemã.

O Nazismo sustentava a tese de “Alta Cultura” e “Arte Degenerada”. Para o partido a Alemanha precisava passar por uma limpeza cultural e o Estado deveria prover os novos métodos de se fazer arte. As vítimas dessa perseguição foram escolhidas rapidamente. Cientistas, escritores, pintores e escultores geniais, muitos deles Judeus, tiveram que fugir do país para não serem mortos ou linchados e muitas de suas obras foram destruídas, assim como suas reputações.

A famosa queima de livro foi o desfecho de uma perseguição histórica aos intelectuais que não concordavam com o movimento nazista. Os livros desses homens e mulheres e suas carreiras nas universidades Alemãs ameaçavam o pensamento único que o movimento necessitava para sobreviver e adentrar ao poder.

Tudo o que fosse crítico ou desviasse dos padrões impostos por Hitler e seus aliados foi destruído. Centenas de milhares de livros foram queimados no auge de uma campanha iniciada pelo diretório nacional de estudantes com o apoio de congressistas, políticos, líderes do movimento Nazista, parte do exército Alemão e pessoas comuns, que ao incendiarem esses livros, queimavam parte significativa da humanidade que ainda restava em seus corações.

Stefan Zweig, Thomas Mann, Sigmund Freud, Erich Kästner, Erich Maria Remarque e Ricarda Huch foram algumas das mentes literárias alemãs perseguidas na época.

O filósofo Sigmund Freud, ao receber a notícia que seus livros foram quimados em Berlim, disse:

“Que progresso! Na Idade Média, teriam me queimado. Hoje, contentam-se em queimar meus livros.”

Acesse o link abaixo e se cadastre no Kindle, e tenha milhares de e-book na palma da sua mão
Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/32TUgiG

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/32TtM0z

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/32QsSBV

Referências:

https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/deutschewelle/2018/05/10/1933-grande-queima-de-livros-pelos-nazistas.htm?fbclid=IwAR0ZrYg5O5iHNYp1yhYjL_ExXrn_mnsNcovowPjrACQCNsP10QGzQQ1DUgY

https://encyclopedia.ushmm.org/content/pt-br/article/book-burning?fbclid=IwAR17KShJ8zLkhS2TAKrdedw4Ojd5hYMb2dncedowjeE711gE5ra-bqE5neI

https://www.dw.com/pt-br/1933-grande-queima-de-livros-pelos-nazistas/a-834005?fbclid=IwAR1cQGCCqvyqSFZYgVSK55w26F1sijlL25-Jtq7nJRgrzxVR0k0pRgbTTYo

http://g1.globo.com/pop-arte/noticia/2013/05/alemanha-lembra-80o-aniversario-de-queima-de-livros-organizada-por-nazistas.html?fbclid=IwAR2dSgnem5_E937f_hct1NyYEqUjfwP-MWTL5NT6cgO-qR0YU4jYbm8w8Ts

https://history.uol.com.br/hoje-na-historia/nazistas-promovem-queima-de-livros-considerados-subversivos-pelo-regime?fbclid=IwAR0u91d8FS2jFz5ZQBCrH22diSDMi3629IvVHJ64_Zk1W2wb5C4jMZDtbis

https://www.theguardian.com/books/2010/sep/10/book-burning-quran-history-nazis?fbclid=IwAR2QGx-s8mSHT_lL-illSc34l5PiFxwYdhPr90xdZG5y2F2was8s6YKkenY

Please follow and like us: