O incêndio do edifício Joelma

Em 1 de fevereiro de 1974, um curto circuito no sistema de ar condicionado fez o prédio, um dos mais modernos da época, arder em chamas. A construção era conhecida como Edifício Joelma e considerada uma das construções mais seguras e arrojadas da época.

Rapidamente, o fogo se alastrou pelos andares do prédio e, no final daquele dia, a tragédia deixou 188 pessoas mortas e mais de 300 feridas.
Após muitas perícias, chegou-se à conclusão de que a causa do incêndio foi em decorrência de uma má instalação no sistema de ventilação e aparelhos de ar condicionado. A empresa responsável pela instalação foi condenada.

O trágico evento causou uma enorme comoção nacional e modificou totalmente as exigências de segurança em construções daquele porte.

Fotos reproduzidas dos arquivos: Globo, Folha Press e Estadão.

Uma pessoa salta do edifício.
Segundo as autoridades da época, o calor dentro do prédio chegou a 700 graus Celsius.
Prédio arde em chamas.
Pessoas observam o incêndio.
Rota e Bombeiros auxiliam nos resgates.
Essa imagem é de um prédio ao lado do edificio.
Mais pessoas saltando.
Bombeiros jogam água na tentativa de controlar o fogo.
Teto do edifício e o helicóptero da FAB responsável pelos resgates.
Escadas dos bombeiros, salvando pessoas.
Um sobrevivente espera o resgate pelo lado de fora da janela
Um homem cai na escada, inconsciente em decorrência do forte calor.
Imagem da frente do edifício, carros responsáveis pelo resgate.
Carro do corpo de bombeiros.
Como ficou os carros que estavam estacionados em frente ao edifício.
Teto do edifício.
Curiosos observam o incêndio.
Imagem aérea da região.
Bombeiros sobre uma plataforma.
Curiosos.
Parte a imprensa que cobria a tragédia.
Helicóptero tentando o resgatar as vítimas do incêndio.
Escada responsável pelo resgate.
Imagem aérea do edifício em chamas.
Pessoas no teto do edifício.
Multidão acompanha a tragédia.
Helicóptero da FAB responsável pelos resgates.
Vítimas do incêndio tentam desesperadamente escapar.
Enfermeiros e população escrevem faixas com os dizeres: Não Saltem, Calma.
Curiosos.
Multidão assiste aos desdobramentos da tragédia.
Curiosos assistem aos desdobramentos da tragédia.
As chamas chegaram a danificar outros prédios próximos ao edifício.

Clique aqui e se inscreva em nosso canal do YouTube

Please follow and like us: