A mulher que experimentava as refeições antes de Hitler

A mulher que experimentava as refeições de Hitler para evitar que o ditador fosse envenenado

A mulher da fotografia era uma das 15 experimentadoras oficiais do Führer.

Pelo menos três vezes ao dia, as provedoras, recrutadas pela terrível SS, experimentavam a refeição para se certificarem de que nenhum alimento estava envenenado, antes de ser consumido por Hitler.

Margot Woelk, além de ter se tornado provadora oficial em festas oficiais do Partido Nazista, também era convocada para viagens internacionais, em locais onde a segurança do governante era considerada mais vulnerável. Por manter esse grupo de degustadoras, nunca atentaram contra a comida servida a Hitler.

Margot foi a única, das 15 provadoras, que sobreviveu à guerra. Faleceu em 2014, em sua casa, logo após a ceia, no apagar das luzes de seu quarto.

Clique aqui e se inscreva em nosso canal do YouTube

Referências

https://www.telegraph.co.uk/women/womens-life/11104245/Nazis-last-female-food-taster-I-never-saw-Hitler-but-I-had-to-risk-my-life-for-him-every-day.html

https://amp.lefigaro.fr/international/2014/09/24/01003-20140924ARTFIG00340-la-gouteuse-d-hitler-raconte-ses-annees-de-terreur.php

https://brasil.elpais.com/brasil/2018/10/25/cultura/1540486227_250076.amp.html

https://www.stripes.com/news/europe/hitler-s-food-taster-tells-of-poisoning-fears-1.218363

https://www.google.com/amp/s/www.dailymail.co.uk/news/article-2283270/amp/Adolf-Hitlers-food-taster-Woman-95-reveals-fear-testing-paranoid-Fuhrers-meals-Second-World-War.html

Please follow and like us: