Quem foi Dimas? O primeiro “Vida Loka” da história

Na clássica música “Vida Loka (parte 2)”, do Racionais MCs, Mano Brown aborda um fragmento da história de Dimas, o bandido.

“Aos 45 do segundo arrependido
Salvo e perdoado
É Dimas o bandido

É louco o o bagulho
Arrepia na hora
Ó

Dimas, primeiro vida “loka” da história”

Mas quem é esse personagem?
Há inúmeras controvérsias sobre quando esse homem apareceu pela primeira vez nos escritos bíblicos. A primeira referência está no livro apócrifo “Atos de Pilatos”, porém o trecho mais conhecido sobre seu caminho pode ser encontrado no evangelho de Lucas.

No dia em que Jesus foi crucificado, outras duas pessoas estavam ao seu lado também pregados em cruzes. Um desses homens era Dimas. Observando Jesus, um dos criminosos tira sarro do Salvador, desafiando-o a salvá-lo. Já Dimas, demonstrando muita humildade, tem uma pequena conversa com o filho de Deus. Ele pede a Jesus que o leve para o céu.
E Cristo concede o desejo. Pronto, Dimas, após uma vida de pecados, foi salvo nos acréscimos pelo próprio “cara”.
Então, após a salvação, Dimas passa para a história como o “Bom Ladrão”.

Na igreja católica, São Dimas é o santo dos agonizantes, dos que querem ser salvos na última hora. Também se atribui a São Dimas a proteção do patrimônio.

Então um dos malfeitores que estavam pendurados, blasfemava dele, dizendo: Não és tu o Cristo? Salva-te a ti mesmo e a nós. 40 Respondendo, porém, o outro, repreendia-o, dizendo: Nem ao menos temes a Deus, estando na mesma condenação? 41 E nós, na verdade, com justiça; porque recebemos o que os nossos feitos merecem; mas este nenhum mal fez. 42 Então disse: Jesus, lembra-te de mim, quando entrares no teu reino. 43 Respondeu-lhe Jesus: Em verdade te digo que hoje estarás comigo no paraíso. (Lucas 23:39-43)

Texto – Joel Paviotti
Arte – Fernando Zeneratto

Please follow and like us: